Sabores peruanos além do ceviche: o que provar na viagem

Quem viaja ao Peru deve saber que o país reserva muito mais do que uma cultura milenar e paisagens de cair o queixo.

A culinária exuberante e cheia de segredos é também um dos principais atrativos de lá. O ceviche, por exemplo, é uma das receitas que ganhou novas versões no mundo inteiro e que, indiscutivelmente, é a maior referência da gastronomia local. Porém, os sabores peruanos vão muito além desse prato com peixe.

A diversidade de produtos e especiarias típicas fazem da cozinha peruana uma das mais completas e exuberantes do planeta. Quer conhecer algumas dessas maravilhas além do ceviche? Então, prepare o paladar e tome nota das dicas que separamos abaixo. Vamos lá!

Conheça 8 sabores peruanos para incluir em seu roteiro

1- Carne de alpaca

Provavelmente, você vai tirar algumas fotos desses simpáticos bichinhos, seja em Machu Picchu, seja em qualquer outra região do Peru. As alpacas estão espalhadas pelos campos, fazendas e montanhas do país, sempre mascando alguns matinhos e encarando as pessoas. Assim como as suas primas lhamas, sua carne é ingrediente certo nas mesas dos restaurantes peruanos e, sem dúvida, é um dos sabores mais característicos da região.

Em geral, é servida grelhada com algum molho especial e seus acompanhamentos podem variar entre o arroz, batatas, purê, saladas ou, até mesmo, um delicioso risoto de quinoa. Bom, confessamos que esse último, de fato, é imperdível!

2- Lomo saltado

Entre os sabores peruanos mais comuns, não pode faltar o famoso lomo saltado. Certamente, você não terá muita dificuldade de encontrar esse prato, afinal é um dos mais populares do Peru e a cada esquina haverá um restaurante o anunciando, com diferentes acompanhamentos, preços e tamanhos.

Basicamente, é um “mexido” com pedaços de carne bovina, misturado ao arroz, batatas, tomate e cebola. Mas nada impede de alguns restaurantes incluírem outros ingredientes como ovo e legumes, por exemplo. Em todo caso, é certeza de uma porção bem servida e muito saborosa.

3 -Trucha

Para os amantes dos pescados, o Peru não deixa a desejar também (prova disso é o próprio ceviche, que prometemos não incluir nessa lista). Mas a trucha é outro exemplo clássico. Mesmo sendo muito comum em algumas regiões do Brasil, a famosa truta é um pedido imperdível entre os sabores peruanos.

Apesar de ser facilmente encontrada no país inteiro, uma dica valiosa é deixar para experimentar o peixe em um passeio pela região do Vale Sagrado. Afinal, todo conhecimento inca sobre agricultura e a fartura de ingredientes parecem ter inspirados os temperos dos chefs daquelas bandas de lá!

4- Chicha Morada

Nossa lista sobre os sabores peruanos também tem espaço para uma bebida típica, feita à base do ingrediente mais presente nas receitas desse país: o milho. Mas não pense que as espigas de lá são as mesmas que encontramos em feiras e mercados do Brasil. Prova disso é que esse refresco, geralmente, tem a coloração roxa, idêntica à cor do milho.

A chicha morada é uma bebida típica da cultura inca, que atravessou os anos e ainda se mantém como uma tradição e costume dos locais. Chegou a ganhar versões alcoólicas (é sempre bom perguntar antes de provar). Seu sabor é bem particular e a fermentação promove uma sensação única no paladar. Vale muito a pena experimentar!

5 – Choclo con queso

Por falar em milho, o choclo é vendido da mesma forma que as espigas cozidas no Brasil, porém com os grãos bem maiores. Não é difícil encontrar vendedores nas ruas, em especial em Cusco, oferecendo a iguaria enrolada na palha. Pode ser uma boa pedida na hora do lanche, durante algum passeio. A dica é incluir uma fatia de queijo, geralmente opcional! Bom e bem baratinho!

6 – Pisco Sour

Mais uma bebida para completar nossa lista de sabores peruanos. O pisco sour é o drinque mais famoso de todo o Peru. Numa comparação mais superficial, essa seria a caipirinha deles. Porém, a receita é bem diferente e, consequentemente, o sabor também.

À base de pisco (aguardente produzida da uva), limão, clara de ovo, açúcar e gelo, esse coquetel é extremamente refrescante e saboroso e, certamente, ajuda a animar as noites das cidades peruanas. Mas é bom ir com calma! Seu sabor adocicado e aparentemente leve pode surpreender aqueles que não estão muito acostumados.

7- Ají de Gallina

Outra receita típica do Peru e que não pode faltar no seu roteiro é o tradicional Ají de Gallina. A não ser que você não seja fã de pratos muito condimentados, pois esse creme de frango costuma ser bem puxado na pimenta, neste caso a ají amarela.

O prato tem influências da culinária francesa e espanhola e sua aparência se assemelha a um strogonoff, porém de cor bem amarelada e, geralmente, acompanhado de arroz branco. No entanto, o sabor é incomparável e só mesmo provando para descrevê-lo.

8- Cuy

Por fim, o cuy! Se você ainda não conhece esse prato, prepare-se para se espantar um pouco. O fato é que a apresentação pode não ser a mais agradável, pois se trata de um porquinho da índia, frito ou assado, de corpo inteiro. Exatamente isso que você imaginou! O pequeno animal vem completo no prato, com cabeça, dentes e tudo mais!

Apesar disso, vale encarar o desafio e saborear uma das carnes mais exóticas que o país oferece em seus cardápios. Sem dúvidas, é um dos sabores peruanos mais tradicionais e completa a lista de curiosidades e riquezas que esse povo reserva aos visitantes.

Enfim, essas foram nossas oito dicas de pratos além do ceviche. Com toda certeza, eles representam apenas um pouco do que é a vasta culinária desse país repleto de surpresas e encantos. Prepare-se para a maior aventura de sua vida, entre as paisagens, culturas, histórias, costumes e sabores peruanos. Boa viagem e bom apetite!

E aí, curtiu o post? Deu vontade de arrumar as malas e embarcar para um dos destinos mais incríveis do mundo? Antes de partir, não deixe de conferir também outro artigo imperdível com dicas valiosas de como viajar e economizar. Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *