Guia para Machu Picchu: como organizar o roteiro completo

Partiu Peru? Se você está planejando mais uma viagem, agora para um dos destinos mais incríveis de todo o mundo, temos algumas dicas imperdíveis para compartilhar.

Neste post, preparamos um guia para Machu Picchu essencial para quem pretende explorar cada cantinho da região sagrada dos Incas.

Portanto, antes de arrumar as malas e partir para a aventura, confira as informações que trouxemos abaixo e tome nota de tudo. Bora começar?

Confira nosso guia para Machu Picchu e aproveite!

O que levar para Machu Picchu?

Aqui, separamos uma listinha de coisas que não podem faltar na sua mala. Dependendo de seu roteiro, você poderá encarar desde temperaturas altas a negativas. Portanto, pesquise bem sobre as características de cada local a ser visitado antes de arrumar as coisas, ok?

Fora isso, os itens abaixo são os essenciais de nosso Guia para Machu Picchu e, com certeza, serão muito importantes para a sua viagem. Confira!

– Casaco – como dissemos, algumas regiões dos Andes podem surpreender os viajantes com temperaturas mais baixas. Portanto, não custa nada separar um espaço na mala para um bom casaco;

– Acessórios de frio – para quem é mais friorenta, vale a pena incluir alguns acessórios extras, como toucas, cachecol e mantas. Mas temos certeza que você vai se apaixonar pela tecelagem peruana e querer comprar tudo lá também;

– Tênis confortável – prepare-se para bater perna e, por isso, trate de levar um calçado bem confortável;

– Máquina fotográfica – nem precisa explicar o porquê, né?

– kit de primeiros socorros – é bom levar alguns medicamentos básicos. Afinal, muita gente demora a se adaptar à altitude, que pode causar enjoos e dor de cabeça.

Quando ir para Machu Picchu?

Essa é uma pergunta clássica que todo mundo faz ao planejar uma viagem para o Peru. Por isso, seremos bem sinceros em nosso guia para Machu Picchu. A verdade é que é possível visitar a cidade perdida dos Incas o ano inteiro. E, pode ter certeza: os cenários serão incríveis do mesmo jeito. Porém, de fato, podem haver certas mudanças de tempo em determinadas épocas.

No entanto, há uma recomendação maior para ir entre maio e setembro, quando as possibilidades de chuvas são menores. Mas não quer dizer que se sua viagem estiver planejada para outra época você não vai aproveitar. Muito pelo contrário! O parque recebe visitantes o ano inteiro e, mesmo na baixa temporada, a paisagem pode surpreender. Já pensou chegar em Machu Picchu com um arco-íris contemplando o cenário, por exemplo?

O que visitar em Machu Picchu?

Em nosso guia para Machu Picchu separamos alguns roteiros que não podem ficar de fora na região. Confira a lista e anote na agenda!

– Cusco – certamente, a cidade berço da cultura Inca fará parte de seu roteiro para Machu Picchu. Não deixe de explorar a região central da Plaza de Armas, com seus restaurantes, bares e lojinhas. Visite também o Centro Qosqo de Arte Nativa, a Catedral e faça um city tour pela zona imperial;

– Moray e Salineras de Maras – dois locais imperdíveis de nosso Guia para Machu Picchu. O primeiro era uma espécie de laboratório milenar de agricultura inca e o segundo uma montanha de onde os seus habitantes extraem sal e proporcionam um cenário sem igual;

– Vale sagrado dos Incas – outro tour que não poderia ficar de fora de nosso Guia para Machu Picchu é o Vale Sagrado. São diversos povoados, vilas históricas e sítios arqueológicos que são paradas obrigatórias para todo viajante. Entre elas, destacamos as escadarias e o mercado de Pisac, a gastronomia de Urubamba e as ruazinhas e as enormes construções de Ollantaytambo.

Guia para Machu Picchu

Como ir a Machu Picchu?

Aqui, em nosso Guia para Machu Picchu, também separamos algumas formas de se chegar até o topo da cidade perdida Inca. E aí? Disposta a caminhar por alguns dias pelo caminho original ou prefere desfrutar a paisagem em um confortável vagão de trem? Independentemente de sua escolha, a viagem será imperdível! Confira as dicas!

– trilha Inca original – que tal percorrer o caminho original feito pelos Incas? A trilha leva, em média, quatro dias de caminhada, passando por sítios arqueológicos, pelo portal do sol, com experiências únicas e um contato total com a natureza. Esse caminho requer reservas com antecedência, pois há uma limitação de pessoas;

– trilha Salkantay – entre as rotas alternativas para Machu Picchu, a Salkantay, sem dúvidas, é a mais fantástica (e desafiadora). São cinco dias de superação em um cenário paradisíaco, acompanhado de um imenso vale nevado ao fundo. O roteiro ainda pode ser contemplado com acampamentos diferenciados e, até mesmo, hospedagens de luxo;

– trem para Machu Picchu – para aqueles que estão com tempo mais apertado ou que não querem encarar os trekkings, há trens para Machu Picchu que levam turistas com todo conforto. Se preferir, ainda há a possibilidade de vagões de primeira classe. Que tal?

Guia para Machu Picchu

Dicas extras de nosso Guia para Machu Picchu

Não importa quantos dias você pretende ficar no Peru. O importante é conseguir desfrutar de cada minuto nesse país incrível e uma dica fundamental para isso é contar com o planejamento, organização e experiência de uma agência especializada. Lembre-se de que a logística no país é bem especial e tentar fazer um roteiro por conta própria pode atrasar e até fazer você perder algumas atrações. Portanto, descomplique e embarque sem preocupações!

Para fechar nosso Guia para Machu Picchu com chave de ouro e facilitar ainda mais a sua vida, separamos quatro pacotes perfeitos com roteiros completos para você visitar Machu Picchu. Confere ai!

– Machu Picchu Sacred Valley – um pacote completíssimo para quem quer explorar cada canto do Vale Sagrado dos Incas, Cusco e, por fim, chegar a Machu Picchu com todo o suporte necessário;

– Machu Picchu Light – ideal para quem tem pouco tempo, mas não quer deixar nenhuma atração de fora. Preço bem mais acessível e roteiro igualmente incrível;

– Lima + Machu Picchu – neste pacote de nosso Guia para Machu Picchu, você terá a possibilidade de estender o roteiro e iniciá-lo pela capital Lima, desfrutando de todas atrações da cidade, como bons restaurantes, bares, baladas, sítios arqueológicos e de sua arquitetura colonial sem igual. Tudo isso, antes de partir para a sua aventura pela cidade Inca;

– Trilha Inca – aqui, você poderá escolher o caminho original ou a rota de Salkantay e chegar até Machu Picchu a pé, com todo o suporte e organização.

Enfim, esse foi o nosso Guia para Machu Picchu. Com todas as dicas e informações acima, você já consegue planejar uma viagem inesquecível para a região sagrada dos Incas. Não perca tempo e vá vivenciar as melhores experiências de sua vida! Escolha seu roteiro predileto e boa viagem!

Curtiu? Pronta para arrumar as malas e embarcar? Antes de partir, baixe também nosso e-book com 10 dicas essenciais para organizar sua viagem ao Peru. Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *