Águas Calientes: o que fazer na cidade antes de Machu Picchu

Um pouco antes de visitar e se surpreender com os encantos de Machu Picchu, a última parada e ponto de partida do ônibus até a entrada do parque é em Águas Calientes, que esconde atrativos incríveis e uma infraestrutura que a destaca entra as demais cidades do Vale Sagrado. Por isso, sem dúvidas, é um destino que pode completar ainda mais o seu roteiro pelo Peru.

Sendo assim, se você tem planos de pernoitar ou até mesmo passar alguns dias por lá, não deixe de conferir este post até o final e de tomar nota sobre o que fazer em Águas Calientes antes de subir para as ruínas. Preparada para a aventura? Então, bora lá!

O que fazer em Águas Calientes ou Machu Picchu Pueblo?

A cidade de Águas Calientes, também conhecida como Machu Picchu Pueblo, é o destino que dá acesso ao principal cartão postal do Peru. Famoso pela paisagem exuberante, entre montanhas enormes e o rio Urubamba, o pequeno vilarejo oferece muito mais do que excelentes hotéis e belos restaurantes para o último dia antes de explorar as ruínas incas.

Ou seja, para quem tem a oportunidade de explorar um pouco mais a região, saiba que pode se surpreender e conhecer muita coisa legal por lá. Para provar isso, confira algumas dicas imperdíveis a seguir!

1. Machu Picchu de ônibus ou a pé?

Aguas Calientes

Bom, para começar a nossa lista sobre o que fazer em Águas Calientes, vale destacar que há duas opções para se chegar até o parque de Machu Picchu, partindo da cidade: de ônibus ou a pé. Ambas têm seus encantos e contam com cenários de tirar o fôlego!

A primeira opção tem um trajeto de cerca de 30 minutos, passando por uma ladeira em zigue-zague que já faz o coração palpitar mais rápido, dada tamanha beleza e energia do lugar. Já para quem curte caminhadas, a segunda opção pode ser uma boa pedida (e mais econômica) e dura cerca de 1h30, com um percurso de trechos bem inclinados.

Enfim, escolha a sua preferência, consulte seu guia e desfrute da aventura!

2. Banhos termais em Águas Calientes

O nome Águas Calientes não é à toa! Afinal, a cidade conta com poços termais, que chegam a temperaturas entre 38 e 46ºC. É possível visitá-los o dia inteiro, até metade da noite (encerra às 20h) para um banho que, segundo os locais, tem propriedades medicinais.

O local de visitação fica bem próximo à praça principal de Águas Caliente, podendo ser alcançado a pé. Por lá também há uma estrutura básica de banheiros e lanchonete. Vale a pena o passeio!

3. Plaza Manco Capac

Aguas Calientes

Essa praça é considerada o centro de Águas Calientes, onde se concentram os principais hotéis, restaurantes e lojinhas de artesanato andino, além de algumas construções interessantes, como a simpática igreja Virgen Del Carmen, revestida de pedras, e o famoso letreiro “Bienvenido a Machu Picchu”, ao lado das estátuas de Manco Capac e de sua esposa-irmã Mama Occlo, ambos personagens importantes do império Inca.

4. Mercado de Artesanato

Aguas Calientes

Outra dica imperdível sobre o que fazer em Águas Calientes é visitar a graciosa feira de artesanato da cidade, que reúne o que há de mais mágico e típico na cultura peruana. Ela fica bem do lado da estação de trem (que, por sinal, também pode ser visitada e render boas fotos, especialmente dos trens chegando).

Pelas amontoadas barracas é possível encontrar desde objetos místicos de madeiras e pedras com imagens incas até peças fantásticas e coloridas da tecelagem andina. Além disso, ervas, folhas, xaropes, sementes e raízes para fins religiosos e medicinais também podem ser encontrados nas mãos dos vendedores. Que tal se purificar antes de subir até Machu Picchu, hein?

5. Museu de Sítio Manuel Chávez Ballón

Essa é uma das atrações um pouco desconhecidas em Águas Calientes, devido à distância. O Museu fica praticamente no início da subida dos ônibus para Machu Picchu e, por isso, é preciso sempre consultar o guia ou a agência de viagem responsável pelo seu roteiro sobre a viabilidade de encaixar o passeio.

De qualquer forma, trata-se de um lugar bem interessante, com acervo bem variado de peças e objetos de origem inca, que ajuda a contar um pouco da história da cidade sagrada, assim como de toda a região.

6. Rio Urubamba

Aguas Calientes

Grande protagonista das águas que recortam o Vale Sagrado dos Incas, o rio Urubamba também encanta e dá vida à cidade de Águas Calientes. É possível passear pelas margens, admirar a paisagem única com as montanhas no fundo e, para aqueles mais próximos à natureza, é possível até sentir a energia dessas correntes geladas.

Prepare a máquina, pois os cenários são belíssimos e as pequenas pontes que cruzam o rio podem render fotos incríveis.

Outras dicas para quem pretende conhecer Águas Calientes

Se você está interessado em explorar melhor e descobrir o que há de melhor em Águas Calientes, seguem mais algumas dicas importantes:

  • consulte a sua agência de viagem, pois, em geral, os roteiros costumam ser curtos por Águas Calientes, apenas com um pernoite antes de visitar Machu Picchu;

  • consulte também sobre os meios de hospedagem, pois a estrutura hoteleira de Águas Calientes é completíssima, sendo possível encontrar desde hotéis mais simples até lodges de luxo, banhados pelo rio e cercados pelas montanhas;

  • aproveite a gastronomia local, pois por lá se encontram desde pequenas cafeterias até restaurantes com menus bem típicos e tradicionais;

  • lembre-se de que os ingressos de Machu Picchu têm horários definidos. Portanto, é possível planejar bem o roteiro pela cidade, antes ou depois de subir para as ruínas.

Enfim, essas são algumas dicas sobre o que fazer em Águas Calientes, a última parada antes de conhecer as ruínas históricas de Machu Picchu. Apesar de pequena e, muitas vezes, considerada apenas um destino de passagem dos turistas, dá para explorar bastante coisa por lá e se surpreender ainda mais com os encantos e magias do Peru.

Curtiu o post? Quer ficar por dentro de outras dicas e descobrir coisas incríveis sobre o Peru? Então, ali do lado, se inscreva em nossa newsletter, que a gente te envia todas as novidades em primeira mão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *